aqui

quando as palavras já não servem o que lhe resta é o silêncio absoluto, na tentativa obscura de entender o que se passa consigo e da intensidade de sentimentos que habita o centro de seu universo. por mais que tente falar, não há conexões entre as frases e tudo transborda como as correntezas de um rio selvagem que vai correndo solto na direção do mar. 

Anúncios

Sobre janatineo

aprendendo e descobrindo (sempre) a ser...
Esse post foi publicado em amor, feelings, sentimentos e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s